Decoração Chic e moderna em preto-e-branco

10:09 Posted by: Denise Helena 0 comments

Eterna, essa parceria é boa opção para quem é adepto do estilo contemporâneo e ousado. Veja algumas dicas para fazer essa composição dar certo na sua casa. Nada de cores exuberantes ou fortes. A combinação do preto e branco é um clássico na decoração. Mas se você quiser embarcar nesta parceria de sucesso precisa ficar atento a alguns cuidados. O primeiro é que não dá para deixar essa divisão no meio a meio. “Um dos tons tem que predominar, algo em torno de 65% branco e 35% preto. Em ambientes pequenos, valorize o branco. Já em um espaço com pouca permanência de pessoas pode-se carregar mais no preto, mesmo que seja pequeno”, comenta o arquiteto Alexandre Perini.
“O grande segredo é não perder a luz, mesmo que a predominância seja o preto”, acrescenta ainda o arquiteto. Outro recurso para dar vida à composição é o uso de espelhos. Os de cristal com bordas simples são bem-vindos. Já os com acabamento bisotê são os mais sofisticados.
E qualquer ambiente pode receber a dupla do preto e branco: de cozinha e área de serviço a salas e quartos. “Não existem regras. Podemos trabalhar com tampos de mesas, assentos de sofás ou ter paredes brancas e uma com papel de parede preto, por exemplo”, comenta o designer de interiores Gilberto Cioni. “Só acho um grande pecado encher o ambiente com peças coloridas para dar cor, depois de pronto”, alerta.

O living ganha um toque especial com os adesivos em branco e preto dentro do conceito do Op Art. Esses são da I.Stick. Dez cartelas de 40 x 40 cm custam R$ 333
Salas de jantar e home-cinemas são os lugares em que o preto se sai melhor. “Um rack geométrico espelhado ou em vidro preto fica fantástico”, indica Alexandre Perini. “Já a sala de jantar em P&B pode ter um jeitão oriental, com um ikebana no centro”, sugere.

Efeito moderno

Paredes brancas e móveis em preto e branco pedem uma boa iluminação para destacar. “Ela precisa ser aconchegante para aquecer o ambiente. Indico o uso de lâmpadas dicróicas alternadas com as AR”, explica o arquiteto Francisco Cálio. “Outro recurso para uma decoração moderna e que confere personalidade é utilizar fotografias em branco e preto e papel de parede ou tecido para o arremate”, acrescenta.

Para esta lavanderia, a arquiteta Katia Perrone utilizou secadora e máquina de lavar branca da Electrolux e móveis em preto, brincando com o contraste das cores
Para Cálio, pode-se garantir um toque sutil com uma única peça colorida, em vermelho vivo ou magenta, que dá uma certa vibração ao ambiente. “Mobiliário com design atual em contraste com peças de época também são perfeitos para a decoração em preto-e-branco. E o uso do veludo preto nos revestimentos é uma opção que combina muito bem dentro desta proposta”, opina.

Já o uso alternado das duas cores nem sempre é o mais indicado. “Objetos pretos sobre uma mesa auxiliar também preta pode ter bom resultado. Essa alternância tem que ser sutil. Ou seja, não deve ser percebida facilmente. Assim, nada de usar esquemas do tipo ‘tapete preto faz par com sofá branco”, brinca Alexandre Perini. O arquiteto sugere a mescla dos dois tons de forma elaborada e criativa, para que o ambiente fique rico, diferenciado e sem ideias óbvias.

Para a edição deste ano da Casa Cor São Paulo, o arquiteto Francisco Cálio projetou a sala de jantar do apartamento em preto-e-branco e se inspirou nas metrópoles do mundo
Por fim, Perini lembra que a pintura de uma das paredes em preto é uma alternativa em alta no uso dessas duas cores. “Mas o ideal é que seja lisa, sem interferências de janelas, portas e vigas, e predomine sobre as outras”, diz o arquiteto. “Recomendo ainda fazer o contraste com um mix do mobiliário entre o branco e a madeira natural, recurso que aquece o ambiente”, finaliza Francisco Cálio.

Por Anna Schimtz - Ig decoração

Nenhum comentário: