Yoga para uma Gravidez Zen

03:34 Posted by: Denise Helena 0 comments

Ao descobrir que está grávida, a mulher nem sempre está consciente da necessidade de um trabalho corporal, muitas ainda estão inseguras e ainda não sentem a presença do bebê dentro do seu ventre, a não ser muita sonolência e um pouco de enjôo. Normalmente, neste período é aconselhável procurar uma prática corporal mais suave que traga bem-estar.
O yoga é perfeito para este momento tão especial na vida da mulher. A primeira série de yoga para grávidas é bem suave, pois a gravidez está se implantando e mudanças radicais acontecem no organismo feminino a nível físico, energético e emocional. A partir do quarto mês o ventre já está bem avolumado, alguns bebês já deram seus primeiros chutes dentro da barriga, os enjôos já passaram e a sonolência também. Normalmente a mulher está muito bem disposta, cheia de energia. A série desta fase é a mais puxada, dando mais tonicidade aos músculos e fortalecendo bastante a coluna, já que o peso da barriga está sobrecarregando mais a região lombar. A partir do sexto mês já é possível o neném nascer e, por isso, os exercícios devem ser maneirados e os cuidados aumentados. A mulher encontra-se mais pesada. O neném mais presente, se revirando, até encaixar. A região lombar mais sacrificada precisando de bastante alongamento e muito relaxamento. No entanto, um momento de alegria, já que o nascimento se aproxima. Hora de fazer os últimos preparativos para ter um parto tranqüilo. Neste momento, o yoga auxiliará trabalhando a respiração e com movimentos para auxiliar no parto, para que ele seja normal e a mulher esteja firme e tranqüila
A prática consiste em 4 séries, de 0 à 3 meses, 3 à 6 meses, 6 à 9 meses e pós- parto, com asanas, pranayamas, bandhas, meditação, afirmações positivas e relaxamento. Dicas para um parto normal, de cócoras e dentro d’água. Amamentação. Dicas de pontos de shiatsu para ajudar no parto e na amamentação. Trabalho com grávidas nos últimos 15 anos. Faço acompanhamento de partos do pós-parto.

Por Sheila Quinttaneiro

Diretora do Shiva Studio de Yoga e Ayurveda,

Nenhum comentário: